quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Pergunta sobre apoios políticos aponta empate entre Flávio Dino e Lobão Filho

Liberada pela Justiça, ítem da pesquisa mostra Lobão Filho com apoio de Dilma e Lula 39,4% e Flávio Dino com apoio de Aécio Neves, José Serra e Fernando Henrique Cardoso 38,8%.

Edinho e Dino estariam empatados tecnicamente nas disputa
Na última segunda-feira (11), a desembargadora Alice de Sousa Rocha, emitiu uma decisão que libera o jornal O Imparcial, a divulgar o complemento da pesquisa encomendada junta a Econométrica. O juiz Ricardo Macieira no dia 31 de julho, emitiu uma liminar impedindo a divulgação da seguinte pergunta: “Em relação aos apoios políticos, em qual destes candidatos o senhor votaria?”, a pedido da coligação “Todos pelo Maranhão”.

De acordo com a decisão emitida pela desembargadora Alice de Sousa Rocha, ela entende que, “entendo razoáveis os argumentos da Impetrante, ao considerar o quadro político nacional para a indicação dos nomes dos apoiadores constantes no quesito, visto que o PT nacional (que tem como filiados Lula e Dilma), de fato, encontra-se coligado no âmbito estadual com o PMDB, partido do candidato Lobão Filho, ao passo que o PSDB nacional (que tem como filiados Aécio Neves, José Serra e Fernando Henrique Cardoso) encontra-se coligado no âmbito estadual com o PC do B, partido do candidato Flávio Dino”. 

Diante da liminar favorável, O Imparcial apresenta o complemento da pesquisa divulgado no último dia 2 de agosto. De acordo com os dados repassados pela Econométricas, os números apresentados colocam o candidato Lobão Filho (PMDB) com 39,4% contra 38,8% de Flávio Dino, quando perguntado ao eleitor em quem votariam de acordo com os apoios nacionais. O peemedebista é apoiado pela presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula. Já Flávio Dino, está com seu partido coligado com o presidenciável Aécio Neves, José Serra e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

A pesquisa foi realizada entre os dias 26 e 31 de julho de 2014 em 57 municípios, ouvindo 1005 eleitores. Os números estão registrados no TSE sob o protocolo MA-00029/2014 desde 28/07/2014 e BR-00283/2014 desde 28/07/2014. A margem de erro é de 3,1% com um intervalo de confiança de 95%. (O Imparcial)

Nenhum comentário:

Postar um comentário