quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Sem “JN”

Dilma no JN, em 2010
As entrevistas com Dilma Rousseff e Aécio Neves no Jornal Nacional, previstas para ir ao ar na segunda-feira e terça-feira da semana que vem, foram canceladas.

O motivo foi um impasse entre a Globo e os assessores de campanha do PT e do PSDB. As entrevistas teriam quinze minutos, como ocorreu no primeiro turno, mas PT e PSDB pediam que houvesse um “tempo líquido mínimo” para as respostas de cada um dos candidatos.

Ou seja, queriam a garantia de que Dilma e Aécio falariam um número mínimo de minutos, dentro do tempo total da entrevista.  A Globo não aceitou.

 (Com informações da coluna Radar Online, da Veja)


Nenhum comentário:

Postar um comentário