quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Bate-boca: Robert Rios e Fábio Novo voltam à tribuna no final da sessão da Alepi

Deputado Fábio Novo, do PT
Os deputados Robert Rios (PDT), líder do bloco PDT-PP-PRB, e Fábio Novo (PT), líder do Governo, ocuparam a tribuna no final da sessão de hoje (25). Robert Rios respondeu pronunciamento anterior de Fábio Novo, afirmando que o governador Wellington Dias levará cinco meses para fazer licitações visando adquirir veículos para a segurança e Fábio Novo disse que a oposição precisa apresentar propostas quando fizer críticas ao Governo.

Fábio Novo afirmou que o último concurso para contratação de policiais militares foi realizado em março de 2014 e não no período entre 2011 e 2014. Robert Rios disse, em seguida, que o concurso foi realizado pelo ex-governador Wilson Martins que o deixou de presente para o atual chefe do Poder Executivo, que, segundo ele, levaria um ano para promover um novo certame.
Deputado estadual Robert Rios Magalhães questiona o governo do PT


Robert Rios concluiu propondo que o governador Wellington Dias assine decretos exonerando de cargo na administração estadual “o seu primo que está sendo processado por ter sido pego com R$ 180 mil durante a campanha eleitoral” e retirando do povo a obrigação de pagar as despesas realizadas em sua residência. Agência Alepi


Nenhum comentário:

Postar um comentário