quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Flávio Dino discute celeridade das obras do PAC com ministro da Casa Civil

 O governador Flávio Dino aproveitou para destacar a importância da duplicação das BRs 316 (trecho que liga Timon e Caxias), 135 (de São Luís a Miranda do Norte) e 010 (Imperatriz a Açailândia).

Ministro Aloizio Mercadante e o governador Flávio Dino
Em visita à Brasília, o governador Flávio Dino reuniu-se, na terça-feira (24), com o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante. Na conversa, o governador apresentou os principais projetos planejados pela administração para melhorar a infraestrutura no Maranhão, recebidos com atenção por Mercadante.

“Estamos mobilizando forças estaduais e nacionais para trazer mais desenvolvimento para o Maranhão. Com o ministro Mercadante, pudemos expor grande parte de nossas estratégias para melhorar a vida dos maranhenses”, afirmou Flávio Dino.

Flávio Dino e Mercadante discutiram sobre as obras executadas pelo Governo Federal no Maranhão, como as obras de mobilidade urbana, especialmente em São Luís. O governador detalhou as obras que estão sendo executadas no Maranhão através de financiamento do Governo Federal pelo Pacto Nacional pela Mobilidade Urbana.

O objetivo da equipe do PAC é acelerar as obras no Maranhão através da postura proativa do Governo do Estado. Como sugestão de investimento, o governador ainda destacou a importância da duplicação das BRs 316 (trecho que liga Timon e Caxias), 135 (de São Luís a Miranda do Norte) e 010 (Imperatriz a Açailândia).

A duplicação, além de ligar cidades importantes, diminui o risco de acidentes nas estradas e garante a melhor circulação da produção entre os municípios. Flávio Dino pediu a sensibilidade do Governo Federal aos três trechos.

A agenda do governador e equipe de secretários junto aos ministérios foi organizada para garantir investimentos e novos projetos ao estado, possibilitando um novo ciclo de desenvolvimento pautado na justiça social e no combate às desigualdades. Fonte: Agência Secom

Nenhum comentário:

Postar um comentário