quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Luz para Todos: Governo federal atinge 150 mil atendimentos do programa de energia no Piauí

Em solenidade nesta sexta, serão entregues ligações elétricas a 400 novas famílias

Ministro  Eduardo Braga
O Ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, e o governador do Piauí, Wellington Dias, participam na sexta-feira (20 de fevereiro) de solenidade para celebrar a marca de 150 mil famílias atendidas no Piauí pelo programa Luz para Todos, que alcançaram cerca de 700 mil pessoas. O evento ocorre na Comunidade Vinagreira, em Lagoa Alegre, localizada a 77 km de Teresina. Também será anunciada na solenidade a autorização de novo contrato pelo programa para o estado.

No evento, serão entregues ligações feitas através do Luz para Todos a 400 famílias da zona rural dos municípios de Lagoa Alegre, Miguel Alves e União (Piauí).  A obra foi executada pela Eletrobras Distribuição Piauí, com investimentos de R$ 6 milhões.

Também será inaugurado no evento o Sistema Barras, que consiste em linha de distribuição de alta tensão com 67 km de extensão, entre a subestação de Campo Maior e a subestação Barras, além da ampliação e reforma de componentes desse sistema. Os investimentos para essa ação ultrapassam os R$ 15 milhões.

Desde o início do programa Luz para Todos, mais de R$ 1,2 bilhão já foi investido no Piauí, com a implantação de 698.494 postes, 53.949 transformadores e a construção de 69.777 quilômetros de redes rurais.

Programa Luz para Todos é prorrogado até 2018

Em 30 de dezembro de 2014, a Presidenta Dilma Rousseff prorrogou o programa Luz para Todos até dezembro de 2018, para levar energia elétrica a 207 mil famílias do meio rural.

Até o final do ano passado, foram atendidas pelo programa 3.200.410 famílias, beneficiando cerca de 15,4 milhões de pessoas. Os investimentos contratados pelo programa desde sua criação superam R$ 22,7 bilhões, sendo R$ 16,8 bilhões do Governo Federal.

Criado em novembro de 2003, o Programa Luz para Todos visa a acabar com a exclusão elétrica no País e prover acesso à eletricidade, gratuitamente. Durante a execução do Programa, foram localizadas outras famílias que não recebiam o serviço e o Luz para Todos foi prorrogado, por meio do Decreto nº 7.520/2011, para o período de 2011 a 2014.

O Programa é coordenado pelo Ministério de Minas e Energia, operacionalizado pela Eletrobras e executado pelas concessionárias de energia elétrica e cooperativas de eletrificação rural em parceria com os governos estaduais.

Fonte: Ascom/Ministério de Minas e Energia

Nenhum comentário:

Postar um comentário