segunda-feira, 1 de junho de 2015

Castelo do PI: Principal suspeito de estupros está preso em Altos em cela isolada

Adão José da Silva Sousa, 40 anos, preso acusado de estupro contra as meninas de Castelo do Piauí
O principal suspeito dos estupros contra quatro garotas em Castelo do Piauí, a 190 Km de Teresina),  Adão José da Silva Sousa, 40 anos, foi transferido para a Casa de Detenção de Altos e permanece em uma cela isolada. De acordo com o diretor de presídios do Piauí, Fagner Martins, a medida faz parte de um protocolo de segurança para preservar a integridade física do detento.

“Ele passará por um período de 20 a 30 dias no setor de triagem e está em uma cela isolada, sem banho de sol e sem atividades externas. São medidas para impedir a circulação de informações entre ele e os demais detentos que não perdoam este tipo de crime”, explica Martins.

O diretor de presídios destaca ainda que Adão José permanecerá em Altos até determinação judicial. “É uma medida de segurança. Em qualquer outra unidade penal do estado, a permanência desse preso poderia trazer danos graves e estamos mantendo ele nessas condições para evitar um mal maior”, reitera.

No Piauí, além da acusação de participação nos estupros com mais quatro adolescentes, o suspeito tem mandado de prisão em aberto por tráfico, assalto e tentativa de latrocínio. Sobre o crime contra as quatro garotas, o suspeito declarou ser inocente e que a perícia científica vai provar que ele não tem relação com o caso. As quatro vítimas continuam internadas em hospitais de Teresina. Fonte: Graciane Sousa, do Portal Cidade Verde



Nenhum comentário:

Postar um comentário