segunda-feira, 8 de junho de 2015

Maranhão não alcança meta de vacinação contra a gripe

Vacinação contra a gripe fracassa no Maranhão
O Maranhão não atingiu a meta de vacinação contra a gripe estabelecida pelo Ministério da Saúde. A recomendação era que 80% do público-­alvo ­ idosos, trabalhadores da saúde, crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, indígenas e mulheres que tenham feito parto em até 45 dias ­ fosse vacinado, mas no estado o índice não atingiu 75%.

A Campanha de Vacinação contra gripe terminou na sexta-­feira, dia 5, e não será prorrogada. No entanto, o Ministério da Saúde recomenda a continuidade da vacinação aos estados e municípios que não atingiram a meta.

 No Maranhão, um total de 1.384.208 de pessoas deveriam ser vacinadas, conforme dados divulgados pelo Ministério da Saúde, mas apenas pouco mais de 1 milhão de pessoas receberam uma dose da vacina. No estado, a cobertura vacinal foi de 74,45%.

O Maranhão segue a tendência da região Nordeste, onde apenas 66,48% das 11.137.022 pessoas que deveriam ser vacinadas foram imunizadas. Em todo o país, balanço parcial do Ministério da Saúde mostra que 35,9 milhões de pessoas já foram vacinadas, o que corresponde a 73% do público-­alvo.

A meta era vacinar, pelo menos, 80% do público prioritário, formado por 49,7 milhões de pessoas, consideradas com mais riscos de desenvolver complicações causadas pela doença. São priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias. As informações são de O Estado do Maranhão


Nenhum comentário:

Postar um comentário