segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Fundação Hospitalar de Teresina vai realizar concurso para a UPA

Concurso será realizado pela Universidade Estadual do Piauí

A Fundação Hospitalar de Teresina (FHT) fará concurso para preenchimento de 44 vagas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) localizada no bairro Renascença. Serão 18 vagas para médico clínico geral e 14 para médico pediatra, ambos com carga horária de 24 horas semanais. Além disso terão seis vagas para técnico de gesso e seis vagas para técnico de patologia clínica, ambos com carga horária  de 30 horas semanais.

A presidente da FHT, Fátima Garcêz, informa que o concurso será executado pela Universidade Estadual do Piauí e que o contrato está sendo finalizado. “Em poucos dias será divulgado o edital”, esclarece.

Em 2011 a Prefeitura de Teresina realizou concurso para a área da saúde, tendo convocado profissionais de diversos cargos, mas, como não existem mais profissionais classificados para essas vagas, um novo certame será realizado. De 2013 até julho deste ano foram convocados 2.515 profissionais para cargos na área da saúde.

Funcionamento da UPA

A UPA terá atendimento 24 horas, com capacidade média estimada de 350 atendimentos diários. Consiste em uma estrutura de saúde intermediária, habilitada para os serviços que devem ser prestados entre as Unidades Básicas de Saúde e os hospitais, auxiliando na organização do atendimento em toda a rede, ordenando a demanda de urgência e emergência dentro do sistema local de saúde. A estrutura da obra está disposta em uma área total de 1.788,38 metros quadrados.

A UPA do Renascença é de porte III e funcionará com seis consultórios médicos e 21 leitos para observação, deste total quatro são semi-intensivos e dois de isolamento, sala de raios-X, curativos, sutura, inalação, exames laboratoriais e eletrocardiograma.

Na UPA, ao receber atendimento, o paciente poderá ficar em observação por até 24 horas. Após esse período terá alta médica ou, se necessitar de mais cuidados, será encaminhado para um hospital. Fonte: Ccom


Nenhum comentário:

Postar um comentário