quarta-feira, 30 de março de 2016

Economista Ubiratan Machado é convidado para disputar uma vaga na Câmara Municipal de Timon


Na reta final do período de filiações partidárias. A correria tem sido grande em todos os municípios brasileiros. Isto ocorre com a mudança promovida pela Lei nº 13.165/2015, que corresponde à alteração no prazo de filiação partidária. Quem quiser disputar as eleições em 2016 precisa filiar-se a um partido político até o dia 2 de abril, ou seja, seis meses antes da data do primeiro turno das eleições, que será realizado no dia 2 de outubro. Pela regra anterior, para disputar uma eleição, o cidadão precisava estar filiado a um partido político um ano antes do pleito.

Nas eleições deste ano, os políticos poderão se apresentar como pré-candidatos sem que isso configure propaganda eleitoral antecipada, mas desde que não haja pedido explícito de voto. A nova regra está prevista na Reforma Eleitoral 2015, que também permite que os pré-candidatos divulguem posições pessoais sobre questões políticas e possam ter suas qualidades exaltadas, inclusive em redes sociais ou em eventos com cobertura da imprensa.

TIMON

Em Timon, por exemplo, a caça aos novos filiados vem se intensificando a cada dia. A prova disso, é que o contabilista, economista, bacharel em Direito, com curso de especialização em administração pública pela Universidade Federal do Piauí – UFPI, Ubiratan Alves Machado, o Bira (foto), morador do Bairro Parque Piauí I, em Timon (MA), foi sondado por uma forte personalidade do mundo político local ligado à base governista liderada pelo prefeito Luciano Leitoa (PSB) para disputar uma vaga no Poder Legislativo Municipal.

 Diante de tal convite, Ubiratan Machado, o Bira, homem considerado discreto, desconfiado e de pouca conversa ficou um tanto entusiasmado com a ideia. Porém, resolveu pedir tempo ao interlocutor visando consultar a família e aos amigos mais próximos. Sem dúvida, achou a proposta oportuna.

Bira, por mais de 30 anos, trabalha no SERPRO – Serviço Federal de Processamentos de Dados, da Receita Federal do Brasil, lotado em Teresina (PI). Ele foi um dos fundadores do Juventude Esportiva Timonense – JET, no final da década de 70 e início dos anos 80. Ainda chegou a ocupar a presidência do JET por três vezes.  Na verdade, era um grupo de jovens que começou a pensar Timon diferente no rumo do futuro  até  derrubar o então coronel político Napoleão Guimarães que governou o município em diferentes períodos. O pleito que elegeu o engenheiro Chico Leitoa, em 1992, foi reflexo do trabalho do JET ao longo de vários anos.

Ubiratan Machado no governo do prefeito Sebastião de Deus ocupou cargos de confiança. Desta forma, prestou serviços junto à população timonense. Então, é um cidadão apto para votar e ser votado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário