sexta-feira, 27 de maio de 2016

Teresina registra 216 acidentes no mês de abril

Os homens são as maiores vítimas dos acidentes.

Nallyne Soares

A Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (CIPTran) registrou, durante o mês de abril, 216 acidentes em Teresina. Destes, 88 foram acidentes com vítimas e 128 acidentes sem vítimas.

O tipo de veículo mais presente nas estatísticas de acidentes com vítimas foi o automóvel, com 68 aparições, seguido pelas motocicletas (73) e as caminhonetas, com 12. Nos acidentes sem vítimas, o carro também é o veículo mais incidente, com 177 envolvidos, seguido por 30 envolvendo caminhonetas e 19 com ônibus, dentre outros.

A colisão é a principal forma de acidente na capital, registrando 75 casos nos acidentes com vítimas e 96 em acidentes sem vítimas. O segundo tipo de acidente mais frequente é o abalroamento.
De acordo com o mapa de ocorrência, os homens são as principais vítimas de acidentes de trânsito na capital. Representando 85 de um total de 106 vítimas feridas e, 80,19% das vítimas fatais durante o mês de setembro. A faixa etária com maior incidência nos acidentes com vítimas é dos 30 aos 59 anos, nas vítimas feridas, e dos 18 aos 29 anos, nas vítimas fatais.

Os condutores do sexo masculino também são os principais envolvidos em acidentes com vítimas, sendo 90 de um total de 112. Nos acidentes sem vítimas, os homens também lideram a lista de ocorrência. Do total de 255 condutores envolvidos, 192 eram do sexo masculino. Em ambos os casos, as faixas etárias mais incidentes são dos 30 aos 59 anos e dos 18 aos 29 anos.

O Departamento Estadual de Trânsito e parceiros vêm intensificando as fiscalizações a fim de reduzir os índices de acidentes. A Escola Piauiense de Trânsito (EPT) tem realizado uma campanha de alerta à população com foco na redução do excesso de velocidade e durante todo o mês maio, durante as ações do Maio Amarelo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário