quinta-feira, 27 de outubro de 2016

TERESINA: MPPI inspeciona estrutura da Igreja São Benedito e recomenda suspensão de atividades até conclusão das obras de restauro


Os Promotores de Justiça Maria Eugênia Gonçalves Bastos e Sávio Eduardo Nunes de Carvalho estiveram na Igreja São Benedito, centro de Teresina, para verificar as condições estruturais do templo. Em setembro, um dos pontaletes da torre sineira desabou, atingindo teto, forro e bancos. O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) realizou vistoria técnica, mostrando que outros pináculos também estão sob risco de queda, porque existem muitas rachaduras.


Assim, a 30ª Promotoria de Justiça de Teresina, com o auxílio do Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente (CAOMA), recomendou que a Arquidiocese de Teresina suspenda as atividades no interior da igreja, até a realização de obra de restauro dos danos provocados pelo desabamento. O Ministério Público observa que os serviços de restauração envolvem equipamentos e máquinas que podem abalar a estrutura do templo, e que a suspensão dos eventos é necessária para garantia da segurança das pessoas. O adro deve ser vedado com tapumes ou grades metálicas, na área de influência dos pináculos remanescentes, para contenção das aglomerações na parte externa da igreja.


A Igreja São Benedito exerce um papel marcante no desenvolvimento arquitetônico, religioso e cultural de Teresina. Ela foi tombada e integrada ao patrimônio histórico, artístico e paisagístico do Piauí, através do Decreto Estadual n˚ 10.663/2011, e tombado, junto com todo seu acervo, pelo IPHAN. Os sinos foram igualmente tombados por decreto municipal, para fins de preservação histórica e cultural. Fonte: MPPI



Nenhum comentário:

Postar um comentário