quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Teresina teve perda de quase R$ 28 milhões em repasses

O município de Teresina vem sendo atingido pela grave crise econômica. De janeiro a novembro deste ano, a capital piauiense perdeu R$ 28,25 milhões em repasses constitucionais feitos pelo Estado e pela União.

O montante é referente ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). No repasse do FPM, a queda foi de R$ 20,65 milhões. Os outros R$ 7,6 milhões são referentes ao ICMS.

“A atual conjuntura não é favorável aos municípios, que estão sofrendo com a queda dos repasses. A situação de Teresina não é diferente, principalmente porque tivemos perdas significativas nos repasses constitucionais, o que nos obriga a buscar alternativas para compensar essas perdas e manter o equilíbrio fiscal”, afirma o diretor de arrecadação da Prefeitura de Teresina, Alexandre Castelo Branco.

Ele lembra que, para compensar as perdas e manter o equilíbrio, a administração está unindo esforços para aprimorar a arrecadação da receita própria e conter as despesas. “A Prefeitura vem tratando de maneira mais forte a qualidade do gasto com a redução de despesas, tendo a frente os secretários de Planejamento, Washington Bonfim e de Finanças, Jalisson Hidd, pois o cenário da economia do país não prevê melhora a curto prazo”, reforçou, destacando que equipes da Prefeitura estão fazendo estudos para buscar medidas que venham a garantir a austeridade fiscal, com equilíbrio das receitas e despesas realizadas pela administração.




Nenhum comentário:

Postar um comentário