terça-feira, 29 de agosto de 2017

PI: Deputado Robert Rios reclama do Ministério Público e do senador Ciro Nogueira

Deputado Robert Rios (PDT/PI) 

Ao usar da palavra na sessão da Assembleia Legislativa do Piauí - Alepi desta terça-feira (29), no horário dos pequenos pronunciamentos, o deputado Robert Rios (PDT) reclamou que o chefe do Ministério Público do Piauí anda acusando os deputados da oposição na Assembleia de trabalharem contra o reajuste salarial dos promotores e demais servidores do órgão.

Robert também fez um desafio ao senador Ciro Nogueira (PP) – que teria chamado a oposição da Assembleia de “vazia” - para que ele compareça à manifestação pública que está sendo preparada pelos petistas para recepcionar o ex-presidente Lula em sua chegada a Teresina, na próxima semana. “Desafio o senador Ciro – que se diz amigo do governador Wellington Dias (PT) e vive no Palácio de Karnak – a ir recepcionar o Lula no aeroporto. Vai ver então qual a consideração que a caravana petista lhe tem, se subir no palanque”, disse Robert.

Deputado Themístocles Filho (PMDB/PI)

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (PMDB), confirmou que o procurador de justiça estaria pensando que os deputados da oposição estavam trabalhando contra o aumento dos servidores do Ministério Público. “Ele me perguntou ontem, durante solenidade no TCE, se isso era verdade, mas garanti pra ele que não há nenhum movimento na Casa contra ou a favor de reajuste salarial”, disse Themistocles.


Deputado Júlio Arcoverde (PP/PI) 

Já o deputado Júlio Arcoverde (PP), fez a defesa do senador Ciro Nogueira, desafiado por Robert Rios a comparecer às manifestações a favor da campanha de Lula a presidente, quando ele chegar em Teresina na próxima semana. “O senador Ciro tem um bom relacionamento administrativo com o governador Wellington Dias, assim como com o governo Michel Temer, o que tem lhe permitido trazer verbas para o Piauí. Por conta disso, conseguiu liberar recentemente mais de 200 milhões de reais para nosso Estado”, disse Júlio, que arrematou: “Mas tudo isso não implica que vamos misturar as posições políticas. Ciro não deve ir à recepção, mas tem agendado um jantar com o ex-presidente Lula, na segunda-feira.”, concluiu o deputado Júlio Arcoverde. Fonte: Alepi 



Nenhum comentário:

Postar um comentário