quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Saúde de Timon trabalha estratégia para ações preventivas na gestação e no pós-parto



Na manhã desta quinta-feira (24), a Secretaria Municipal de Saúde (SEMS), juntamente com a Regional de Saúde e a Promotoria de Timon, discutiram sobre ações preventivas a serem realizadas pelo município para o acompanhamento da mulher durante sua gestação.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Márcio Sá, a iniciativa tem por base a lei municipal da “Política de diagnóstico e tratamento de depressão pós-parto”, aprovada recentemente em Timon.

“Estamos nos reunindo para discutir sobre esse trabalho preventivo para as gestantes, visando o seu acompanhamento durante a gravidez e também no diagnóstico precoce da Depressão pós-parto. Desta forma, será feito um trabalho preventivo, durante a gravidez, nas UBS, onde teremos profissionais para este acompanhamento, e se caso após a gestação, a mulher sofrer a depressão pós-parto, ela contará com o acompanhamento especializado nos órgãos que contam com psicólogos, como Caps e Caism”, informou o gestor de saúde.

Os sintomas da depressão pós-parto incluem tristeza, desesperança, alterações de humor e crises de choro após o parto, que se desvanecem rapidamente. Elas acontecem principalmente devido às alterações hormonais decorrentes do término da gravidez.

A lei que trata da “Política de diagnóstico e tratamento de depressão pós-parto na Rede Pública de Saúde de Timon” dispõe, entre outros assuntos, sobre detectar a doença ou evidências de que ela possa vir ocorrer, visando prevenir o seu aparecimento. Além disso, o documento prevê o desenvolvimento de pesquisas visando ao diagnóstico precoce da patologia. Fonte: Ascom/Sems


Nenhum comentário:

Postar um comentário