segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Em artigo, Alexandre Almeida diz que é inacreditável a última oligarquia Leitoa realizar festa

A última oligarquia do Maranhão em festa?

Deputado estadual Alexandre Almeida (PSD/MA) 

É inacreditável, mas é verdade, em pleno século XXI, quando as últimas oligarquias deixaram de existir, em Timon, uma oligarquia regional comemora 25 anos de poder. É isso mesmo, o chefe da oligarquia chegou ao poder em 1992, com a proposta de dar fim ao grupo que dominava 40 anos a política em Timon, e, assim, melhorar a vida do timonense. De lá para cá nunca ficaram fora do poder, seja na Prefeitura, na Assembleia Legislativa ou na Câmara Federal. De fato, hoje, são políticos profissionais, pois financeiramente, para viver, dependem de algum cargo público. O maior exemplo é do atual prefeito, o filho do chefe da oligarquia. Ele, embora tenha estudado nos melhores colégios particulares de Teresina, e não tendo lhe faltado nada, nunca conseguiu concluir um curso superior, como também nunca exerceu alguma atividade profissional. (consequentemente não tem uma profissão).

Diferentemente dos milhares de jovens timonenses, que sofrem com a falta de emprego, ele teve a sorte do seu primeiro salário ter sido pago pela Câmara Federal, pois seu primeiro emprego foi, nada mais nada menos, que um mandato de deputado federal. Isso mesmo, aos 21 anos, o filho do chefe da oligarquia, sem nunca ter sido nada, foi premiado com um cargo de deputado federal. O pior, tudo bancado pelas finanças de Timon. A consequência desse absurdo foi o CHEFE da oligarquia ser condenado por diversos tribunais e hoje ser um CIDADÃO INELEGÍVEL, ou seja, um político sem direitos políticos.

O tempo passou, e quando muitos do grupo do chefe da oligarquia pensavam que poderiam ter a oportunidade de ocupar algum cargo de expressão em nome do "grupo", o chefe deu um pito nos iludidos e empurrou goela a baixo seu sobrinho para deputado estadual, conseguindo assim, expandir ainda mais o domínio da OLIGARQUIA, e já prepará-lo para os próximos capítulos.

Enquanto os planos políticos da última oligarquia maranhense têm sido um sucesso, a vida do cidadão timonense tem sido um terror, sobretudo, com a falta de segurança pública. Embora tendo elegido o governador, senador, deputado federal e estadual, a oligarquia, até o presente momento, não conseguiu mudar a triste realidade vivida pelas famílias timonenses.

Alexandre Almeida é advogado e deputado estadual no exercício do segundo mandato na ALEMA   



Nenhum comentário:

Postar um comentário