quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

Timon e cidades da Regional de Saúde atualizam dados da rede de atendimento


Visita técnica traça perfil da rede de saúde dos municípios da regional de Timon


A Secretaria Saúde de Timon participou nesta terça-feira (22/01) da visita de uma equipe de profissionais envolvidos com a Programação Geral de Ações de Serviços para a Saúde – PGASS, para mais uma atualização de dados referentes à situação geral da saúde nos municípios da região de Timon. Nesta visita, que contemplou a primeira das quatro etapas do levantamento, as ações ficaram concentradas na verificação dos serviços de média complexidade oferecidos nos municípios da região, que compreende Timon, Matões, São Francisco e Parnarama.

O PGASS faz parte de uma parceria entre Ministério da Saúde, Estado e Municípios, para verificar a quantidade de atendimentos, consultas, exames, quantidade de leitos e de profissionais de saúde, além de outros procedimentos de saúde realizados em cada município, e para saber quais precisam de encaminhamentos a outros estados ou polos de saúde. Dessa forma, é possível saber também qual teto financeiro que cada município precisa para realizar os atendimentos de saúde necessários.

Secretário de Saúde, Márcio SÁ, durante sua fala 

O levantamento visou realizar a coleta dos dados de Timon e dos demais municípios da região. Para isso, participaram da visita, além do secretário de Saúde Timon, Márcio Sá, e dos representantes dos três municípios da região, o Promotor de Justiça Antônio Borges, o presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Maranhão (Cosems) Vinícius Araújo, coordenador das Regionais de Saúde do Estado Aristeu Marques, da Gestora da Regional de Saúde Floriza Carvalho, dentre outros. A equipe visitou o hospital Alarico Pacheco, Upa e Caps de Timon.

Na ocasião, o assessor técnico da Secretaria de Saúde de Timon, Leonardo Davis, fez a apresentação de um estudo levantado pela regional de saúde de Timon. Também foi aprovada na Comissão Intergestora Regional (CIR) a capacidade instalada, através do perfil da rede de saúde dos municípios da regional.

Para o secretário Marcio Sá, Timon deu mais um grande passo em relação ao PGASS do Maranhão. Ele ressaltou que, ao final das quatro etapas, será possível finalizar as pactuações, casos que precisarem ser enviados para outras cidades, como também definir o teto da saúde em Timon e nos municípios da regional.

Na segunda etapa, será verificada a rede de urgência, emergência e rede cegonha dos municípios da regional de Timon.



Nenhum comentário:

Postar um comentário