terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Deputada Teresa Britto adverte que 31 barragens do Piauí apresentam problemas

Deputada Teresa Brito (PV/PI) 

A deputada Teresa Britto (PV) destacou, hoje (19), que o relatório da Agência Nacional de Águas (Ana), divulgado em outubro de 2017, apontou que 31 barragens apresentavam problemas no Piauí. A oradora pediu que os órgãos responsáveis pela fiscalização dessas barragens, como o DNOCS (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas), adotem providências urgentes visando a manutenção desses reservatórios.

Teresa Britto, juntamente com os deputados Francisco Limma (PT), líder do Governo, e Marden Menezes (PSDB), apresentou requerimento pedindo que a direção do DNOCS e do Idepi (Instituto de Desenvolvimento do Piauí) e a Secretaria Estadual de Meio Ambiente esclareçam à Assembleia Legislativa sobre a real situação dessas barragens.

Em aparte, o deputado Franzé Silva (PT) disse que os parlamentares devem conseguir junto ao Governo Federal a liberação de recursos para que seja realizado um trabalho de prevenção de acidentes com as barragens piauienses, como o que ocorreu em Brumadinho, Minas Gerais.

Por sua vez, o deputado Francisco Limma, também, em aparte, disse que os diretores dos órgãos responsáveis pelas barragens devem comparecer à Comissão de Infraestrutura e Política Econômica da Alepi para prestar informações sobre a manutenção das barragens. Ele assinalou que o relatório da Ana inclui barragens do Piauí que ainda não foram concluídas, como a de Tinguis e Atalaia.

Em outra parte do seu pronunciamento, Teresa Britto defendeu a punição do morador do conjunto Saci que cortou um grande número de árvores da praça Gentil Macedo localizada naquele bairro. Ela pediu ainda que a Prefeitura de Teresina realize um ato naquela praça visando lançar uma campanha para o replantio de árvores na praça do Saci. Fonte: Alepi


Nenhum comentário:

Postar um comentário