terça-feira, 19 de março de 2019

Assembleia Legislativa: Audiência pública discutirá crise na Uespi

Deputada estadual Teresa Brito (PV/PI) 

A deputada Teresa Britto (PV) vai propor uma audiência pública para discutir a grave situação financeira da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), que encontra-se com os salários dos terceirizados atrasados a quatro meses, sem receber os tickets alimentação e sem o décimo terceiro, com os professores em greve pedindo mudança de nível para os mestres e doutores e sem recursos até para material de expediente. Segundo ela, falta até mesmo papel higiênico nos banheiros.

“Esta Casa não pode se furtar a apoiar essa luta dos educadores, servidores e educandos. Eles só querem o melhor para a Uespi e é isso o que nós queremos também. Já conversamos com o nosso líder, deputado Gustavo Neiva, e vamos conversar com os outros deputados para fazermos uma visita à Uespi, vistoriar a situação e cobrar encaminhamentos”, afirmou.

A deputada disse também que o governo passa por uma crise financeira, mas não pode deixar a Uespi morrer. “É preciso que o governador se sensibilize e libere recursos, pois as despesas com educação não são gastos, mas investimentos. Recebi uma ligação de uma vereadora do PV de Santa Filomena e ela relatou que lá a situação é ruim, assim como nos doze novos pólos da instituição e nas unidades de educação à distância. A EAD é a menina dos olhos do governo. Eu estudei na Uespi, tenho dois filhos que se formaram lá e ela não pode morrer”, frisou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário