terça-feira, 20 de agosto de 2019

Gabriel Tenório pode deixar o PV e avança em conversa com Edilázio Júnior para ingressar no PSD

Adriano Sarney, Edilázio Júnior e Gabriel Tenório 

O líder da oposição no município de Matões, na Região dos Cocais, advogado Gabriel Tenório (PV) poderá ingressar no PSD nesses próximos dias. Para isso, aconteceu uma conversa bem animadora de entendimento entre Tenório e os presidentes estaduais das duas agremiações partidárias no Maranhão, sendo eles, o deputado estadual Adriano Sarney (PV) e o deputado federal Edilázio Júnior (PSD). Assim, Adriano Sarney deu sinal verde para a filiação do jovem político ao PSD, sem problemas.

Gabriel Tenório é considerado um nome forte para derrotar o atual prefeito de Matões, Ferdinando Coutinho (recém-filiado ao PDT) e ligado politicamente ao governador Flávio Dino (PCdoB).

O presidente Estadual do PSD, Edilázio Júnior, assumiu o controle da sigla recentemente no estado do Maranhão, mas já mostrou que quer um partido fortalecido nas eleições municipais de 2020. Em Matões, Edilázio Júnior deseja a filiação de Gabriel Tenório passando a assumir o destino do partido com vistas à pré-candidatura de prefeito no pleito eleitoral do ano que vem. Já em Timon, o deputado federal Edilázio Júnior entregou o comando do PSD à família Waquim, representada pelo empresário e bacharel em Direito, Ulysses Waquim, que ocupa também o cargo de vice-presidente da sigla a nível estadual. Ulysses é filho da ex-deputada estadual, ex-prefeita e atual vereadora de Timon, Socorro Waquim (MDB), e do ex-deputado federal Professor Sétimo Waquim. Em resumo: Edilázio Júnior quer um PSD forte na Região dos Cocais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário